Ir para conteúdo

Hora de abraçar e blindar o menino Jesus

O atual momento do menino Jesus não é bom. E isso é evidente pra todo mundo. A bola está pesada, as jogadas não saem e ele chega, inclusive, a tropeçar sozinho, como ocorreu no clássico contra o SPFC. Porém, trata-se de uma fase totalmente compreensível na carreira do garoto. Faz parte da transição entre as categorias de base e os profissionais. Todo bom jogador passa por isso.

Jogadores mais experientes do elenco têm que blindar Jesus
Atletas experientes têm que blindar G. Jesus

Para dar um exemplo recente, em 2009, Neymar subiu para o time principal do SFC e viveu 11 meses de oscilações. Com o técnico Wagner Mancini era titular. Já com Wanderley Luxemburgo era reserva e considerado um “Filé de Borboleta”, devido ao corpo franzino. Passado um ano, o hoje atacante do Barcelona estourou, levou seu clube à conquistas nacionais e internacionais e virou estrela do futebol mundial.

Longe de mim querer fazer qualquer comparação entre Gabriel Jesus e Neymar. Penso que isso é péssimo para o nosso camisa 33 e só funciona para aumentar a pressão sobre ele. E pressão, convenhamos, é algo que o garoto menos precisa no momento. Hoje, a sua função é ser coadjuvante entre os titulares. Afinal, Gabriel Jesus é o mais novo de um elenco recheado de jogadores experientes. E sei que comissão técnica, atletas e torcida blindarão o garoto. Prova disso foi a salva de palmas que ele recebeu do Allianz Parque inteiro ao ser substituído diante do Internacional, na quarta-feira (30), quando esteve em noite pouco inspirada.

uol
UOL e Lancenet estamparam manchetes irreais

No entanto, a atuação sem brilho serviu como um prato cheio de comida para alguns leões da imprensa. Horas após o fim da partida, manchetes em alguns sites davam ênfase a tímida jornada do jogador. E, numa tentativa explícita de tumultuar a relação com a torcida, insinuaram que Jesus teria saído de campo sob vaias. É preciso deixar bem claro para aqueles que não foram ao jogo que o jovem atacante não foi vaiado em momento algum da noite.

Por situações como essa, amigo torcedor, a hora agora é de abraçar Gabriel Jesus. Ter paciência com o período de amadurecimento e apoiá-lo sempre. Por mais que queiram acelerar o processo, ele ainda é uma promessa de extremo talento. Infelizmente não será em todas as partidas que deitará o goleiro adversário no chão antes de estufar as redes.
Porém, sabemos que tem um gigantesco repertório de dribles para tal. Sabemos também que tem um faro apuradíssimo de gol.

Se nos deixarmos levar pelo sangue italiano e passarmos a persegui-lo com vaias, como todos os rivais querem, vamos queimar mais um jovem da nossa base. Vamos queimar o jovem mais promissor dos últimos anos.

Injustiça do blogueiro

No começo dessa semana fiz um post criticando a decisão da diretoria de mandar a partida contra o Internacional no Allianz Parque logo após a realização de dois shows. Não acreditei, de verdade, que os responsáveis pelo gramado conseguiriam deixar tudo em ordem para o confronto decisivo.

Fui duro com o presidente Paulo Nobre por tal decisão, pois, na minha visão, ele estava visando apenas os lucros da bilheteria. Contudo, venho me redimir e admitir que a realização do confronto na nossa casa foi correta. O estádio serviu como um caldeirão e ajudou a equipe na emocionante classificação. Parabéns para os homens que cuidaram do campo e minimizaram quase em 100% o estrago causado pelos eventos musicais.

Leia mais:
Luan não serve para o Palmeiras. Não inventem!

>> Curta a nossa página no Facebook: www.facebook.com/OlePalmeiras
>> Siga o nosso perfil no Twitter: @ole_palmeiras

Olê Palmeiras Ver tudo

O blog alviverde que canta e vibra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: